sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Um ano de saudades


Há um ano atrás, Isabel me avisava por meio de um sonho que estava livre, que ganhava o mundo mesmo sem nunca tê-lo visto fora do hospital.

Deixou um vazio, uma tristeza, uma lacuna que jamais poderá ser preenchida. Ficamos sem chão mas jamais abaixamos as nossas cabeças que não fosse para agradecer por seus 1 ano e 3 meses de vida.

Sofremos... sofremos e sofremos por ver nossa filha sofrer, por não poder inserí-la em nossos sonhos do jeito que queríamos e foi então que Deus nos mostrou outro mundo, novas portas, novos sonhos.... do jeito Dele e não do nosso.... 

E nos restou a saudade e as lembranças de todos os dias que vivemos juntos dela, com ela e para ela.




  Saudades sempre da nossa eterna Florzinha







5 comentários:

  1. Impossível te esquecer, Florzinha.

    ResponderExcluir
  2. O nosso amor por vc será eterno. Impossível não lembrar de vc todos os dias. Vovó Sandra continua com o coração batendo em sintonia com o amor que sinto por vc. Saudades, muitas saudades! Amor etermo.

    ResponderExcluir
  3. A saudade cresce como se eles estivessem crescendo aqui, ao nosso lado, né?
    Mas a missão deles foi transformar as nossas para sabermos seguir em frente.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. não é possível esquecer a linda Isabel!!
    Muitas vezes passa pelo nosso pensamento!
    A ternura, carinho e dedicação dos pais também!!
    Passou depressa um ano....mas a saudade fica sempre!!!
    beijinho!!!

    ResponderExcluir